HOME    AGENDA    COLUNAS    GATAS    CONTRATE O SITE   CONTATO

Colunas

» Pahola B. Cassol
Pahola B. Cassol
Acadêmica de Engenharia Ambiental e Diretora de Intercâmbios Socias da Aiesec Chapecó. Falará de sustentabilidade e dará dicas sobre como ter qualidade de vida sem prejudicar o meu ambiente.
pahola.cassol@aiesec.net
+ artigos de Sustentabilidade no dia-a-dia
Maycon Tormen
Automotivo
Maycon Tormen
Leonardo Radin
Chapecoense
Leonardo Radin
Felipe Vendruscolo e Francini C. Martins
Dra. Grasiela Bonfanti
Estética e Saúde Bucal
Dra. Grasiela Bonfanti
Tatiane Alves
Fatos & Relatos
Tatiane Alves
Felipe S. Machado Junior
Josi Vizzotto
Make Up
Josi Vizzotto
Douglas Foschiera
Música Sertaneja
Douglas Foschiera
Clic Notícias
Notícias
Clic Notícias
Ana Paula Bolis Bassani
Rock 'n' Roll Indie
Ana Paula Bolis Bassani
Arthur Rogoski Gomes
Regiane Dalarosa
Tendências em Acessórios
Regiane Dalarosa

Projeto Gira Mundo (12/09/2012)

Projeto Gira Mundo
Realizar um intercambio é muito mais do que viajar e conhecer uma nova cultura. REALIZAR um intercambio é se dispor a usar a “regra do troca-troca”: Passar pra frente todo o conhecimento que possui e se abrir pra todo o novo conhecimento com o qual outra pessoa possa te presentear.
Esse é um dos objetivos que mantém a Aiesec Chapecó entusiasmada a realizar os seus intercâmbios e a enriquecer cada vez mais a cultura do seu povo.
Entre os seus projetos em Chapecó está o Gira Mundo. Esse Projeto é realizado hoje em vários escritórios brasileiros da Aiesec e já rodou três vezes na cidade.
Para ele acontecer a Organização abre vagas de voluntariado em outras  ONG`S que demonstrem interesse e sejam atuantes na cidade. Após a Aiesec selecionar intercambistas com os perfis adequados, eles são encaminhados até os parceiros.
 Aqui em Chapecó trabalha-se cada rodada com grupos de 04 intercambistas, eles trabalham em duplas e conseguem atingir até 03 realidades diferentes, trabalhando duas semanas em cada local.
 Durante 6 semanas os estudantes escolhidos se revezam para conhecer todos os locais.
Nessas ONG`S eles realizam workshops culturais e educacionais, sobre os seus países de origem e áreas de graduação. Um dos pré-requisitos pra viajar pela Aiesec é ser Universitário ou recém-formado. Então geralmente os estudantes vêm ansiosos pra passar todo o conhecimento e experiência que possuem.
 O Objetivo desse projeto é usar a diversidade cultural pra aguçar a curiosidade do público e a partir dela conscientizá-los sobre diversos temas, melhorando a sua perspectiva de vida e multiplicando os seus sonhos.
A última rodada do Projeto Gira Mundo em Chapecó, iniciou no dia 21 de maio a se estendeu até o dia 30 de junho de 2012. Teve 03 nacionalidades envolvidas: China, Colômbia e Peru e dessa vez ganhou uma nova ferramenta: A Arte com todas as suas formas de expressão.
A arte foi somada ao projeto para aumentar ainda mais a sensibilidade do público às informações, com o uso correto das suas artimanhas, os intercambistas também trabalharam o olhar e a criticidade dos envolvidos.
 A agenda de 06 semanas foi reformulada e duas delas passaram a ser para o estudo e planejamento das oficinas. Na primeira semana os universitários receberam o conhecimento de professores experientes em educação social e artes visuais.
Na segunda semana planejaram todas as atividades que viriam a ser realizadas. Nas semanas restantes aplicaram o planejado no Programa Viver e no Espaço Renascer em Chapecó.
Um dos maiores desafios para os intercambistas foi o fato de as duas ONG’S trabalharem com públicos e problemáticas totalmente diferentes. Porém eles usaram o seu potencial de agente modificador e se adaptaram as realidades alheias, usando esse desafio para otimizar ainda mais o impacto do projeto.
O Programa Viver trabalha há 17 anos na cidade com crianças e adolescentes em situação de risco pessoal e/ou social, vindas de famílias fragilizadas economicamente ou emocionalmente.
 A realização do Gira Mundo na ONG se mostrou muito importante para a formação das crianças envolvidas. Com o projeto elas tiveram a oportunidade de entrar em contato com um mundo multi-cultural e ampliar as suas perspectivas de vida.
 Foram realizados diversos workshops focados na criação de valores humanitários e no aumento da autoestima das crianças. O projeto foi finalizado com a certeza que o trabalho desenvolveu novos agentes de mudança na comunidade.
O Espaço Renascer em Chapecó funciona como casa de reabilitação química para Jovens. Os workshops realizados no local foram os mesmos, porém com um foco mais abrangente para a formação e especialização profissional. O objetivo também foi alcançado, ao seu fim os envolvidos estavam convencidos de que poderiam modificar a sua realidade e lutar por um futuro melhor.
O desenvolvimento pessoal dos intercambistas Jessie, Pilar, Cesar e Adriana após essa experiência foi incrível.
 Parte dele se deve ao acolhimento que receberam dos dois espaços. Foi realmente uma relação de troca-troca, tanto de sentimentos, cultura e aprendizados. Chapecó sempre será grata pelos serviços que prestaram, deixaram um pouco de si no nosso chão e nos mostraram o quanto podemos ser mais felizes e poderosos quando lutamos juntos por uma causa.
Confira uma de suas ações no vídeo a seguir:


http://www.youtube.com/watch?v=gPPNjYL7jxY

Mais informações em :

http://www.aiesec.org.br/chapeco/
http://www.jessieqizhang.wordpress.com
Postado em 12/09/2012 por Pahola B. Cassol
Clic-Chapeco.com.br - Todos os direitos reservados